fbpx

O alerta de saúde gerado pela Covid-19 mudou o mundo e consequentemente nos tornou mais digitais com o isolamento social. A internet se tornou um importante canal de comunicação. E em termos de saúde, revelou-se como uma opção importantíssima para conectar os profissionais de saúde com os pacientes para prestar assistência médica.

O atendimento remoto tem se revelado uma possibilidade válida  para os profissionais de saúde porque eles acompanham o estado clínico dos pacientes, uma vez que existem patologias que podem ser atendidas online. Esse panorama de saúde conectada abre novas alternativas no controle das vidas impactadas possivelmente pelo novo coronavírus. E em termos de atendimento à doença, por meio da medicina remota, num cenário de pandemia, ela foi capaz de não saturar o sistema de saúde e melhorar o acesso da população ao atendimento médico especializado.

No caso dos idosos, o atendimento remoto está se tornando um elemento-chave para proteger a saúde da terceira idade, que é colocada em risco quando saem de suas casas. Cientes dessa situação, os profissionais da fonoaudiologia intensificaram o uso de sistemas de assistência remota, como o ReSound Assist Live. Seja em casa ou no trabalho, ele  oferece atendimento à distância, graças às necessidades auditivas de muitas pessoas pertencentes ao grupo de risco, ​​durante o período de isolamento social.

No entanto, a audiologia vai um passo além. Em termos de métodos de diagnóstico remoto, há a possibilidade de realizar o exame de audiometria ou as avaliações auditivas remotamente, utilizando as próteses auditivas como fones para apresentação do estímulo sonoro.

O Grupo GN Hearing foi pioneiro no desenvolvimento desta nova tecnologia, que oferece atendimento auditivo completo à distância, incluindo os testes iniciais de avaliação sonora e o processo de adaptação do aparelho auditivo. A tecnologia da empresa dinamarquesa torna possível avaliar a capacidade auditiva das pessoas com perda de audição na segurança de seus lares. Todos, especialmente os idosos, podem se beneficiar dessa tecnologia de ponta enquanto se protegem dos efeitos da pandemia causada pelo novo coronavírus.

O funcionamento do sistema é simples: Os profissionais de saúde auditiva entregam as próteses de amplificação sonora na  casa do paciente. Posteriormente, sob orientação do fonoaudiólogo ocorre a avaliação auditiva, de forma remota. Com base nos resultados, os aparelhos auditivos podem ser ajustados imediatamente.

Dependendo da situação, o atendimento presencial será obrigatório, mas o fonoaudiólogo irá analisar a situação geral do paciente para orientá-lo sobre os procedimentos a serem realizados. 

Em geral, o atendimento presencial deve acontecer assim que o quadro de saúde do paciente melhorar e para isso o fonoaudiólogo vai orientá-lo a comparecer no centro auditivo mais próximo para o monitoramento, sobretudo durante a fase de adaptação. 

Pin It on Pinterest

Abrir chat
Atendimento por WhatsApp